“O devir só …

“O devir só se atualiza e se expressa na relação, de forma a estabelecer um bloco,
uma composição onde o eu vacila e se desmancha para compor em uma outra
visibilidade, mudando assim o seu plano existencial, o que por sua vez modifica a
própria multiplicidade que habita cada um”. (PERES, 1999:86).

 

casacor_2011_paisagismos

 

 

 

Anúncios

Entre em Contato

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s